News Editora Sextante

Oi amigos, hora de conhecermos os lançamentos da Editora Sextante para o mês de outubro. Vamos lá?

As Coisas Que Você Só Vê Quando Desacelera - Haemin Sunim
De tempos em tempos, surge um livro que, com sua maneira original de iluminar importantes temas espirituais, se torna um fenômeno tão grande em seu país de origem que acaba chamando a atenção e encantando leitores de todo o mundo.
Escrito pelo mestre zen-budista sul-coreano Haemin Sunim, As coisas que você só vê quando desacelera é um desses raros e tão necessários livros para quem deseja tranquilizar os pensamentos e cultivar a calma e a autocompaixão.
Ilustrado com extrema delicadeza, ele nos ajuda a entender nossos relacionamentos, nosso trabalho, nossas aspirações e nossa espiritualidade sob um novo prisma, revelando como a prática da atenção plena pode transformar nosso modo de ser e de lidar com tudo o que fazemos.
Você vai descobrir que a forma como percebemos o mundo é um reflexo do que se passa em nossa mente. Quando nossa mente está alegre e compassiva, o mundo também está. Quando ela está repleta de pensamentos negativos, o mundo parece sombrio. E quando nossa mente descansa, o mundo faz o mesmo.
Fazendo as Pazes Com o Corpo - Diana Garbin
Uma jornada para vencer a relação doentia com a comida e a obsessão pela forma perfeita.
“Para conseguir ser magra, já fiz tudo o que você pode imaginar. Tomei todos os tipos de remédios para perder peso e controlar o apetite: anfetaminas, tarja preta, fórmulas e medicamentos fitoterápicos, passando por remédios para diabetes. Tomei laxantes, diuréticos, calmantes, ansiolíticos, estimulantes, soníferos e também aquele medicamento que tira 30% da gordura dos alimentos, mas que, ao menor descuido, faz você sujar as calças sem perceber. Fiz todas as dietas que existem, da proteína, da lua, do abacaxi, dos dias ímpares, do jejum. Já fiquei dois anos sem comer carboidratos. Tentei vomitar depois das refeições, mas não consegui. Desejei ter anorexia, mas não resistia muitos dias sem comer. Fiz diversos tratamentos estéticos e confesso que já fiz três cirurgias de lipoaspiração – e ainda precisei pegar empréstimo bancário para pagar esses procedimentos e fiquei endividada até as orelhas por muitos anos. *** Escrevi este livro para dividir com você como os acontecimentos que deram origem aos meus problemas foram se sobrepondo até culminarem em uma situação insustentável, e como, a partir daí, comecei a aprender a respeitar o meu corpo e a fazer as pazes com a comida e com a saúde. Vou mostrar tudo o que fiz para conseguir gostar do que eu enxergo no espelho, para desenvolver meu amor-próprio, para ter prazer de comer sem culpa, sem excessos e sem restrições, e para, sobretudo, me aceitar como eu sou, com todos os meus defeitos e qualidades.”
Eu Maior - Fernando Schultz
“Repensar a vida para poder reinventar a vida! Essa é a força que emana do Eu Maior.” – Mario Sergio Cortella

“Obra de profundidade ímpar, Eu Maior pode ser um divisor de águas na vida do buscador espiritual.” – Sri Prem Baba

Lançado em 2013, o documentário Eu Maior trouxe uma reflexão contemporânea sobre o autoconhecimento e a busca da felicidade. Foram entrevistadas trinta personalidades brasileiras, incluindo líderes espirituais, intelectuais, artistas e esportistas.
Pessoas com atuações e perfis distintos, como a monja budista Coen, o filósofo Mario Sergio Cortella e o físico Marcelo Gleiser, deram depoimentos sensíveis, instigantes e por vezes até engraçados sobre temas que inquietam a humanidade desde sempre.
Agora, o filme ganha um acompanhamento em formato de livro, com trechos inéditos das entrevistas. Assuntos como o sentido da vida, a existência de Deus e o papel do sofrimento em nossa evolução são discutidos com profundidade ímpar, compondo um rico mosaico de opiniões e experiências.
Assim como o documentário, o livro Eu Maior desponta como uma obra de referência para todos que valorizam as grandes perguntas. Ainda que difíceis, são elas que nos impulsionam rumo a uma vida com mais significado, equilíbrio e autorrealização.
1001 Séries de TV para Para Assistir Antes de Morrer - Paulo Condon
De I Love Lucy a Breaking Bad, de Esquadrão classe A a Homeland, de Bonanza a Glee, atrações de todos os gêneros e estilos se encontram neste livro sobre as mais memoráveis séries de TV dos últimos 70 anos.
Escrito por um time de especialistas e aficionados, 1001 séries de TV para assistir antes de morrer apresenta títulos populares ao lado de produções obscuras, ajudando você não só a conhecer melhor as atrações que já acompanha como também a descobrir programas novos e surpreendentes.
Ricamente ilustrado e recheado de curiosidades sobre atores, roteiros e gravações, este guia é uma viagem investigativa tão viciante quanto sua série favorita.
História da Riqueza no Brasil - Jorge Caldeira
"História da riqueza no Brasil é ao mesmo tempo tão monumental quanto síntese. Há algumas definitivas, como as do trio Gilberto Freyre-Sérgio Buarque de Holanda-Caio Prado. A diferença? São mais de quinhentos anos relidos e explicados em nova chave. Pois para realizar a sua, Caldeira serviu-se de disciplinas vizinhas, a antropologia e a econometria, enriquecendo interpretações que já vinha consolidando em obras anteriores. 
A antropologia lhe permitiu se aproximar do passado, iluminando objetos como a família, a mestiçagem, atitudes econômicas, as alianças de poder, revelando sua surpreendente permanência ao longo de cinco séculos. Quanto a econometria, essa forneceu medidas e estatísticas mal e pouco conhecidas de grande parte dos historiadores, para apreender fatos que só mediante esta abordagem são capturáveis." - Mary del Priore 

"(Caldeira) ressalta, o que para poucos era claro, que o mercado interno sempre teve importância maior do que lhe foi atribuída por muitos autores, mesmo de livros clássicos. Não que se deixe de reconhecer o papel importantíssimo do mercado externo para a inserção mundial da economia, mas desaparece o retrato simplificador da sociedade brasileira do passado como se ela fosse formada apenas pela grande lavoura de exportação. 
Em segundo lugar, trata-se de obra que traz uma abordagem metodológica rara: Caldeira introduz a referência a números, aos grandes números, na narrativa histórica e os usa para a comprovação de suas teses. Como se isso não bastasse para dar singularidade e notoriedade ao livro, acrescente-se que suas páginas mostram o fracasso das tentativas de acelerar o crescimento econômico pela vontade política do Estado." - Fernando Henrique Cardos
Vicente Falconi o que Importa é o Resultado - Cristiane Correa
Na década de 1980, Vicente Falconi, então professor de Engenharia da UFMG, começou a cruzar o Brasil para apresentar a empresários conceitos inspirados na eficiência das companhias japonesas e que eram praticamente desconhecidos no país.
O Professor levaria a combinação poderosa de disciplina e foco financeiro para empresas como Gerdau, Sadia (depois BRF), Unibanco e dezenas de outras no Brasil e no exterior. Foi graças à sua atuação que gigantes globais como a cervejaria AB InBev aprenderam, por exemplo, a estabelecer – e cobrar – metas para todos os seus milhares de funcionários.
Na esfera pública, nenhum outro consultor brasileiro se tornaria tão influente. Nos últimos 20 anos, Falconi se envolveu em projetos em diversos municípios e estados do país. Ele foi um dos artífices do maior programa federal para redução de consumo de energia elétrica, em 2001, quando o país viveu o risco de um “apagão” – as metas de consumo estabelecidas para clientes comerciais, industriais e residenciais foram ditadas por ele.
Este livro relata em detalhes o pensamento e a trajetória de Falconi, revelando os princípios de liderança e gestão que podem transformar organizações grandes ou pequenas, públicas ou privadas. A obra conta ainda os bastidores da consultoria criada por ele – onde, algumas vezes, disputas de poder colocaram em xeque as lições ensinadas pelo Professor.

***

“Falconi deu uma contribuição espetacular para o sucesso da nossa empresa. Esteve conosco desde o comecinho da Brahma: a gente precisava matar um leão por dia. Talvez porque a companhia crescesse tão rápido e as pessoas mudassem tanto de lugar, não havia processos que assegurassem as boas práticas.
Nós éramos muito duros em termos de estabelecer metas agressivas e de criar incentivos como remuneração variável e participação acionária para quem atingisse as metas. Mas o Falconi nos deu o desdobramento das metas, que é a coisa mais importante. Não adianta ter metas para o topo da companhia se elas não descerem até o chão de fábrica. Esse é o poder de, todo ano, descobrir o que você pode e precisa fazer melhor – e depois desdobrar isso para toda a empresa. Aí se torna algo imbatível, uma máquina.” Marcel Telles, sócio da 3G Capital

“Falconi nos ajudou a desenvolver uma nova cultura, com maior sentido de propriedade, menos hierarquia, mais responsabilidade. No fim, todo mundo correu atrás de uma meta que parecia inalcançável, mas acabou não sendo.” Pedro Moreira Salles, ex-presidente do Unibanco e presidente do conselho de administração do Itaú Unibanco

“Fiquei muito impressionado, porque sempre gostei do tema gestão, mas nunca havia tido a oportunidade de me aproximar de conceitos práticos. E era exatamente isso que o Falconi trazia.” Pedro Parente, ex-ministro da Casa Civil e presidente da Petrobras

“O Falconi falava assim: ‘O mundo é que nem um ônibus. De um lado senta quem bate meta e do outro quem não bate. Você tem que entrar no ônibus e escolher: de que lado vai se sentar?’ Ele falou isso em 1999 e eu uso até hoje.” Bernardo Hees, CEO da Kraft Heinz
O Yoga que Conduz à Pleinitude - Gloria Arieira
Os Yoga Sutras de Patañjali são um texto seminal da tradição dos Vedas, os livros sagrados do hinduísmo. Compilados há mais de 2 mil anos, seus aforismos ainda hoje são a base para uma visão do Yoga não como uma simples prática, mas como o meio para alcançar a maior realização humana: o autoconhecimento que leva à felicidade.
Com O Yoga que conduz à plenitude, a professora Gloria Arieira faz uma tradução comentada desse texto milenar à luz de Vedãnta - um ensinamento que vem sendo transmitido de mestre a discípulo desde tempos imemorais e cuja premissa básica propõe que você mesmo já é a plenitude que está buscando.
Segundo a tradição védica, da qual tanto Yoga quanto Vedãnta fazem parte, ambos são considerados caminhos para a liberação. Enquanto Vedãnta é o conhecimento Absoluto, Yoga é o estilo de vida que conduz a ele, preparando a mente para o autoconhecimento e para a solução do problema fundamental humano, que é visão de si mesmo como alguém inadequado e limitado.
Através desta obra você terá a chance de apreciar o ensinamento de Sri Patañjali neste texto essencial para a compreensão profunda da mente, dos obstáculos que ela impõe ao crescimento pessoal e das possíveis estratégias para lidar com eles.
 Primeiro O Mais Importante - Stephen R. Covey
Primeiro o mais importante vai ajudar você a entender por que as coisas primordiais na sua vida não estão recebendo a devida atenção. Em vez de oferecer um novo relógio, este livro fornece uma bússola – porque a direção que você está tomando é mais determinante que a velocidade com que está caminhando.
Longe de ser um livro sobre como fazer mais em menos tempo, este clássico sobre gerenciamento do tempo organiza sua vida levando em conta seus valores e seus princípios. O sistema proposto por Stephen R. Covey, A. Roger Merrill e Rebecca R. Merrill não ensina a fazer malabarismos, mas a priorizar as questões mais significativas para você, como seus relacionamentos, sua família e seu bem-estar.
Com centenas de casos de sucesso comprovado, os autores mostram que é possível encontrar o equilíbrio em meio às suas responsabilidades e sugerem começar analisando suas tarefas e dividindo-as em quatro quadrantes: 1) Importante e urgente; 2) Importante, não urgente; 3) Urgente, mas não importante; e 4) Não urgente, não importante.
Muita gente gasta tempo demais com as questões urgentes (1 e 3), negligenciando o quadrante 2, que é a base para estabelecer suas prioridades. Ao mudar o foco do urgente para o importante, você conseguirá se organizar melhor e dará um enorme salto.

***

“Stephen Covey é o melhor. Ele dominou os princípios e os processos da promoção de mudança positiva. Este livro é para todos os que desejam aprimorar a própria vida e fazer a diferença em suas áreas de atuação.” – Stedman Graham, presidente e CEO da S. Graham & Associates

“A abordagem para o gerenciamento do tempo baseado em princípios de Stephen Covey oferece aos leitores uma ‘bússola’ para o que é de fato importante na vida.” – Nolan D. Archibald, ex-CEO da The Black & Decker Corporation

“Esta é uma obra valiosa. Não consigo imaginar uma pessoa que não se beneficie dessa leitura.” – Larry King, apresentador da CNN

“Novas formas de trabalho exigem novas formas de gerenciar a vida. Stephen Covey e seus colaboradores mostram o caminho e o iluminam com sabedoria e perspicácia.” – Dr. Michael Hammer, coautor de Mais rápido, barato e melhor

E estas são as novidades, amigos. Gostaram de algum?

9 comentários:

  1. Fazendo as pazes foi o um livro que senti-me completamente atraída e adoraria ler, espero que tu possas trazer a resenha para nós.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Olá, eu não tenho vontade de ler esses livros é a única editora que eu não tenho vontade de adicionar na minha lista.

    ResponderExcluir
  3. Olá!!
    Dessa vez não me interessei por nenhum lançamento dessa editora, porque não sou muito fã de auto-ajuda e nem de documentários, esses eu prefiro assistir.

    Beijos. =)

    ResponderExcluir
  4. Hey!
    Sextante e seus lançamentos, algumas obras já estão na minha whishlist. Sempre que tem novidade a sextante disponibiliza uns exemplares pra sorteio no skoob e é lá que eu fico por dentro das novidades.

    ResponderExcluir
  5. Esse momento de conhecer lançamentos de livros é bom, né? Eu me interessei por O Yoga que Conduz à Pleinitude e 1001 Séries de TV para Para Assistir Antes de Morrer. Adorei as dicas literárias.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  6. Oi Rose! O único que despertou um pouco meu interesse foi As coisas que você só vê quando desacelera, que capa linda!

    ResponderExcluir
  7. Oi.

    Conhecia alguns desses lançamentos. Prefiro mais o catalogo da Arqueiro. Geralmente os livros da Sextante não fazem muito meu estilo. Infelizmente nenhum desses livros me interessou no momento.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Nossa, faz muito tempo que não acompanho as news da Sextante! Algumas eu não acho tão legais, mas outros são incríveis!

    ResponderExcluir
  9. Oie
    os gêneros não chamam muito a minha atenção mas o que leria seria o primeiro, gostei da capa e da ideia do livro apesar de não ser acostumada com esse tipo de leitura

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.