#Resenha King of Thorns #2/3

Demorou, mas eis que hoje tenho a resenha da sequência da Trilogia dos Espinhos. Espero que leia e gostem deste enredo tão cheio de controvérsias, onde acabamos torcendo pelo mocinho que mais parece o vilão...
King of Thorns - #2 Trilogia dos Espinhos - Mark Lawrence
528 páginas - Editora DarkSide
Neste segundo volume da trilogia, o autor divide o enredo em 3 partes distintas:
1º parte: eventos ocorridos logo após Jorg conquistar as terras de Renar, quando ele tinha 14 anos.
2º parte: as páginas do diário de Katherine.
3º parte: Jorg aos 18 anos protegendo seu castelo do avanço do Príncipe de Arrow.
A princípio você pode achar que as partes são independentes, mas engana-se redondamente, pois elas são bem interligadas, apesar de complexas. Na verdade, ouso dizer que uma depende da outra.
Meses depois de sobreviver a uma tentativa de assassinato do próprio pai, e de fugir para Renar, onde ele matou o Conde de Renar e assumiu o lugar dele, tornando-se o Rei aos 14 anos, Jorg parte em uma viagem pelo reino a procura do Mago do Fogo. Com isso ele espera que Gog aprenda a controlar seu fogo que está totalmente sem controle.
Jorg jura que a intenção é usar Gog como uma arma para conquistar o Trono do Império, mas conforme a história evolui, vemos que isso não é totalmente verdade, ou que não é apenas esta sua intenção.
Durante a viagem, ele conhece Orin, o Príncipe de Arrow, que os profetas falam ser  o futuro Imperador, que unirá todos os reinos sob o manto da paz e prosperidade. Jorg tem ciência de todas as qualidades de Orin, e do quão o seu reinado seria benéfico para todos, mas isso não quer dizer que ele aceitará os fatos, nem agora, nem no futuro.
Não foi apenas este encontro que marcou a longa viagem de Jorg. Ele também foi atrás de seus parentes por parte de mãe com a intenção de pedir um apoio futuro, afinal se ele pretendia ir de encontro aos avanços de Orin, ele precisava de alianças.
Estes dois pontos se unem mais adiante, costurando o enredo para o final apresentado, que é justamente quando Orin cerca o castelo de Jorg para conquistar mais um reino rumo a seu futuro Império.
No dia em questão é o casamento de Jorg, então com 18 anos, com Miana, de apenas 12 anos. Não amigos, não julguem mal nosso anti-herói, pois este casamento não foi uma decisão sua, mas um pedido feito bem antes para que ele recebesse o apoio pedido.
Também engana-se quem pensar "pobre criança"  para Miana, pois ela foi uma grata surpresa para mim e para o enredo. Mesmo aparecendo em poucas páginas, ela mostrou que será uma ótima Rainha para Renar, e uma esposa a altura para estar ao lado de Jorg.
E se ele não casou por amor com sua esposa, nem posso dizer que Jorg é capaz de tal sentimento, pelo menos ele teve uma atitude extremamente decente com sua esposa.
É até engraçado dizer isso, visto que a evolução de Jorg aos 14 até os seus 18 anos, é permeado pelas páginas do diário de Katherine, que nutre além de uma obsessão por ele, um enorme e crescente ódio. Isso é gerado pelas lembranças que ela tem do dia em que ele além de bater nela, também a violentou. A vida da moça só não se torna mais amarga, pois Orin se apaixonou por ela e eles acabaram se casando.
Vocês podem imaginar que isso será mais um problema entre Orin e Jorg não é mesmo? Pois Katherine é a única mulher que não sai da cabeça de Jorg. A única mulher que ele realmente deseja mais do que gostaria.
A verdade é que acompanhamos Jorg em seu amadurecimento, e entendemos melhor os caminhos por ele escolhido. Espinhos foi só o que ele encontrou em sua vida, o que acabou moldando seu lado sanguinário e frio. Mas quem olha além da superfície que ele faz questão de apresentar, verá mais do que isso, por isso, acredito que não há leitor que não acabe torcendo por ele.
Finalizo dizendo que além de Miana, Markin, o fiel companheiro de Jorg é outro que merece destaque, não apenas pela fidelidade a Jorg, mas principalmente por não ter medo de expor suas opiniões, mesmo quando Jorg não as pede.
Lógico que resenhar um livro da Darkside é obrigatório falar de sua parte gráfica. Além da bela capa, ela também é emborrachada e de capa dura, o que deixa o livro ainda mais lindo. Por dentro temos páginas pretas para dividir os capítulos e alguns detalhes vermelhos que fazem a diferença, dando um charme e beleza todo especial ao livro.
 

Diante de tudo que li e vi, só posso dizer que o último livro promete!!!
Perdeu a resenha do livro 1? Então clique abaixo e leia!
a Rafflecopter giveaway

16 comentários:

  1. apesar do livro estar sendo tão bem discutido na resenha, evidenciando os pontos fortes e as emoções vivenciadas ao longo da leitura por você, confesso que não é o tipo de livro que me atraia
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila, realmente este não faz seu gênero.
      Bjs!

      Excluir
  2. Oiii Rose, tudo bem?
    Realmente não sabia que este livro era continuação de outro :( mas, mesmo assim realizaria a leitura, gosto de temas assim e essa edição está linda por demais. E outro ponto que me atraiu foi o autor separar, isso fica melhor em entender a história.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgana, que bom que o fato de ser uma trilogia não te desestimulou. Leia sim, você vai gostar.
      Bjs!

      Excluir
  3. Olá!
    A Trilogia dos Espinhos está na minha wishlist há um bom tempo. Ano passado consegui comprar meu Prince Of Thorns, mas só pretendo iniciar a leitura quando tiver o King Of Thorns e Emperor Of Thorns em mãos <3
    Nem preciso dizer o quanto essa obra me atrai. Sabe quando você gosta muito de um livro mesmo sem nunca tê-lo lido antes? Pois é... Comigo é assim não só com a Trilogia dos Espinhos, mas também com Os Instrumentos Mortais huahua
    Parabéns pela ótima resenha *-* Fiquei com medo dos spoilers (odeio spoilers) mas fiquei satisfeita com o resultado.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, não se preocupe, me policio para não soltar nenhum spoiller, pois sei que muita gente não gosta. Mesmo sendo continuação, não teve nem do outro livro :)
      Bjs!

      Excluir
  4. Oi, gostei da premissa do livro, só fiquei um pouco confusa em relação ao enredo, mas acho que lendo os livro, eu deva entender e me apaixonar também pela trilogia. Vou anotar a dica e no futuro irei ler, já que amo fantasia.
    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thatyane, entende sim, é que eu não quis dar nenhum spoiler, tanto deste volume, quanto do anterior, para explicar melhor o que acontece.
      Bjs!

      Excluir
  5. em, mesmo curtindo bastante a Darkside, não sou muito atraída pelo catálogo Fantasia deles... e mesmo assim, não li o volume anterior, então ficaria completamente perdida nesse livro, mas confesso que a parte de diagramação está um primor... não poderia esperar menos da caveirinha... heheh
    bjs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria, sim, eles estão arrasando no quesito gráfico.
      Bjs!

      Excluir
  6. Já tinha visto o primeiro livro da série em algumas propagandas do Skoob e da própria editora, mas confesso que a história, em um primeiro momento, não me atraiu nem um pouco... Porém, apesar de sua resenha falar da continuação, gostei bastante da trama que parece envolver tramas políticas e adoro isso! Sem falar, que a edição é mesmo muito bonita e livros de fantasia que possuem mapas tem um lugar reservado no meu coração! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, tem tramam política no meio, e se você tiver a chance, dê uma olhada, vale a pena.
      Bjs!

      Excluir
  7. OOi
    Acho que já vi falarem desse livro mas não conhecia ainda, mas sua resenha me convenceu a anotar a dica haha Embora o gênero não me atraia tanto, ao decorrer da resenha pude ver que poderia gostar da séria. Ótima resenha. Dica anotada!

    Beijoos
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Catrine, fico feliz que tenha gostado. Quanto a trilogia, dê uma olhada sim, ela é muito boa.
      Bjs!

      Excluir
  8. Oi Rose, pode parecer loucura, mas eu não conhecia muito do enredo dessa trilogia. Parece ser uma aventura irresistível e uma ótima leitura. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é incrível mesmo, não vejo a hora de ler o último volume.
      Bjs!

      Excluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.